Menu fechado

Uso do celular: 5 hábitos que devem ser evitados

Hoje em dia, uma coisa é certa: todo mundo vai para a cama com seu telefone, independentemente de ter um companheiro (a) ou não.

O celular está ao seu alcance, seja para o despertador matinal ou para adormecer lendo mais um capítulo do seu livro favorito. Ótimo, exceto que o celular não é um bom companheiro de sono. Isso prejudica nosso corpo de várias maneiras.

Abaixo elencaremos 5 hábitos bastante comuns que devem ser evitados urgentemente:

1. Dormir com o celular próximo ao corpo

Se você quer ter uma boa noite de sono, a coisa mais importante a fazer é evitar dormir com seu telefone próximo de você. Isto não só ajudará a evitar que a “luz azul” perturbe seu ritmo de sono, mas também tornará mais fácil para você resistir à verificação de notificações e alertas antes de dormir.

Se seu telefone estiver sobre a mesa de cabeceira ou em qualquer lugar ao seu alcance enquanto dorme – mesmo que não esteja ao lado da cama – é provável que você se agarre a ele quando tentado por notificações ou mensagens de texto de amigos.

Um telefone celular é basicamente um transmissor e receptor eletromagnético. Isso significa que ele emite ondas de rádio. Embora isso ainda não tenha sido provado de forma conclusiva, a pesquisa continua mostrando como as ondas podem afetar o cérebro após ter sido exposto à radiação por longas horas.

Se você não conseguir desligá-lo completamente ou mantê-lo em outro quarto enquanto dorme, coloque-o no modo avião.

2. Ficar bastante tempo utilizando o celular

A luz da tela do telefone suprime a melatonina, o hormônio que regula o ciclo do sono, o que é outro motivo para ficar longe desse aparelho enquanto você dorme. A luz azul causa mais dores de cabeça e problemas nos olhos e na visão. Tente redefinir os níveis de luz do telefone e ativar o filtro de luz azul.

3. Manter por muito tempo perto da sua pele

Existem vários estudos que focam na ligação entre o celular e o câncer, especificamente no seu sinal de transmissão, que fica em torno de 900 MHz, o que faz com que o celular aqueça. A pele absorve facilmente o calor em pequenas porções toda vez que você a segura perto do corpo. Embora não haja outros efeitos comprovados da radiação de RF no corpo humano, a taxa de absorção diminui drasticamente quando você mantém alguma distância entre você e o telefone.

Use fones de ouvido ou viva-voz enquanto fala ao celular para que seu cérebro fique exposto às influências menos nocivas.

4. Utilizar o celular em uma posição desconfortável

Você sabia que o uso excessivo de celulares causa lesões no polegar, como tendinite. Há outra condição de saúde do telefone celular chamada pescoço de bate-papo. Como o nome sugere, quando você inclina o pescoço para a frente para olhar para a tela, o estresse nas vértebras cervicais e na coluna aumenta. E com o tempo, o peso sentido pelo pescoço pode se tornar 5 vezes o peso real da sua cabeça. Isso causa dores no pescoço e distúrbios de postura. Segure o telefone na altura dos olhos, mantendo o pescoço o mais reto possível.

5. Utilizar o celular enquanto dirige

Todos nós sabemos que enviar mensagens de texto e dirigir é ilegal e você é um perigo para os outros. Seu telefone celular pode ser uma enorme distração para você e para todos os outros na estrada. Mesmo que você não esteja enviando mensagens de texto, apenas ter seu telefone na mão pode ser uma distração e podendo causar um grave acidente.

Os telefones celulares podem ser ferramentas úteis, mas também podem levar a maus hábitos que talvez nem nos demos conta. Da próxima vez que você pegar seu telefone, esteja atento a estes 5 hábitos. Você pode se surpreender com o quanto você vai melhorar em sua vida e isso pode até salvá-lo de algum acidente.

Publicado em:Sem categoria

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *